NFe
Híbridos de Trigo
Híbridos de Soja
Híbridos de Milho
1 2 3

PREVISÃO DO TEMPO

Previsão do Tempo

COTAÇÕES AGRÍCOLAS

Cotações Agrícolas

REPRESENTANTES

Encontre um de nossos representantes

PARCEIROS

NOTÍCIAS

10/07/2018

Gigantes chinesas negociam fusão

A previsão é de que a fusão garanta um faturamento anual acima de US$ 100 bilhões
Imagem créditos: Divulgação Por: AGROLINK -Leonardo Gottems
Publicado em 04/07/2018 às 14:22h.
8164 ACESSOS
O grupo estatal chinês Sinochem Group e a ChemChina se unirão para criar uma nova empresa, de acordo com informações do portal Agropages.  A intenção dos dois grupos é formar a maior empresa de produtos químicos industriais do mundo, avaliada em cerca de US$ 120 bilhões.


Segundo informações vindas da China, a decisão foi anunciada para os colaboradores em uma reunião no último sábado (30.06) à tarde. Durante a reunião, o fundador da ChemChina, Ren Jianxin, anunciou sua aposentadoria, sendo substituído pelo presidente da Sinochem, Ning Gaoning, o que foi confirmado após a entrega de um comunicado para funcionários do Comitê de Supervisão e Administração de Ativos do Estado (Sasac na sigla em inglês).

A união já está sendo especulada desde 2016, quando a Financial Times afirmou que ambas as empresas estavam se preparando internamente para integrar suas operações. As duas companhias e os reguladores chineses, no entanto, vinham negando o boato desde a ocasião - quando a ChemChina analisou as revisões regulatórias para a aquisição da Syngenta (no valor de US$ 44 bilhões), a fim de ampliar seu portfólio global relacionado ao setor de pesticidas, herbicidas, fertilizantes e sementes.

A compra foi concluída no ano passado e precipitou as negociações para a junção das duas gigantes chinesas. O objetivo era de utilizar o balanço mais robusto da Sinochem para ajudar a financiar o negócio. Porém, especialistas analisam que, se a fusão doméstica foi concluída enquanto a aquisição da Syngenta estava em andamento, isso pode provocar revisões regulatórias mais rigorosas, por causa do tamanho e da participação de mercado que a empresa teria, o que dificultaria a fusão das duas.

Agrolink

Cerealista Faxinal